Jessica Jones 2 mostra conflitos internos da personagem

Quem não ama Jessica Jones (Krysten Ritter), a detetive e heroína que esta recuperando sua vida depois de matar o atormentador e salvar NY com os Defensores. Ela ainda sente o medo e o preconceito que as pessoas ainda tem sobre o que ela é.

O Netflix realmente sabe fazer a serie manter seu ritmo, com roteiros ótimos e bem desenvolvidos, muitos falam que a trama não tem um vilão muito forte nem que da um ritmo a serie. Mas a serie mostra o conflito que a personagem tem sobre ela e o mundo que ela vive.

Jessica Jones 2, aborta mais a sua historia e como conseguiu seus poderes, e também como ela ficou assim durona e as vezes sem controle. O que se destaca na serie obviamente a protagonista, que mostra que mulher não é sexo frágil, com uma frase de impacto, “Se quer alguma coisa, vai la buscar, não fica esperando chorando” essa é Jessica Jones de Krysten Ritter.  Não vou falar muito mais da trama é só você assistir no Netflix e comentar sobre o que voce acha da serie. E Parabéns a todas as Jessica Jones do mundo e Feliz dia da Mulher. Sera homenagem do Netflix ?

Fica aqui as imagens:

 

About the Author

Richard Abade
Richard é Nerd e adora cinema,quadrinhos e afins,também como todo Nerd adora comidas rápidas e docinhos.

Be the first to comment on "Jessica Jones 2 mostra conflitos internos da personagem"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*